webcam
PRAIA DO PEDRÓGÃO
Logo Visite Leiria

Rostos de Leiria

27 de Janeiro

Rostos de Leiria

27 de Janeiro

Célia Lopes

Célia Lopes nasceu em Rheine, na Alemanha, mas foi em Leiria que cresceu e se tornou um dos ícones da cultura musical da cidade e o rosto e alma da loja Alquimia, situada em pleno centro histórico.

O seu estilo irreverente, marcado por roupas escuras e cortes de cabelo arrojados, contrasta com a sua doçura e sorriso franco, que desarmam qualquer um que entre naquela loja.
A loja Alquimia abriu as portas pela primeira vez em 1994, num pequeno espaço, no Shopping 2000. Atualmente, é uma das lojas que dão vida à Rua Gago Coutinho, marcada por uma montra de gradeamento vermelho, em ferro trabalhado, deixando antever aquilo que é um misto entre loja de música, roupa e galeria de arte, dada a decoração cuidada e eclética que não deixa ninguém indiferente.
Mas a Célia Lopes é muito mais do que o rosto da loja Alquimia, ela é também um dos pilares da Fade In – Associação de Acção Cultural, responsável por muitos dos concertos e eventos de Leiria, entre os quais se destaca o festival gótico Extramuralhas, reconhecido internacionalmente, ou o festival Monitor – Minimal Wave & Post Punk International Rendez-Vous.

As ruas de Leiria conhecem bem a Célia, e a Célia conhece bem as ruas de Leiria, já que o centro histórico é a sua 2ª casa e a intervenção cultural uma das suas maiores paixões.

Manuel Oliveira

O Sr. Manuel Oliveira vive há quase sessenta anos no centro histórico de Leiria, mas é, em grande parte, graças ao bar mais antigo do terreiro, Os Filipes, que o seu rosto é reconhecido por todos, independentemente da idade.

É enternecedor ver o carinho e respeito dos mais jovens ao cumprimentarem o Sr. Manel. Os de “meia idade”, recordam com saudade as noites passadas à porta do bar mais antigo do terreiro – alguns ainda têm baterias para ali dar um pezinho de dança, quando as jantaradas se prolongam e o DJ passa música de feição. Já os mais velhos, recordar-se-ão do Sr. Manel, não só por este mítico bar, mas também pelas suas passagens por outros estabelecimentos da cidade, como o café Montanha, a Esplanada do Jardim Luís de Camões, o bar do Bingo ou o bar da União desportiva de Leiria.

Experiência não falta ao Sr. Manel, assim como boa disposição e resposta pronta para todos os que ali parem para beber um copo.

O Sr. Manel abriu Os Filipes em 1987, no piso térreo da Casa do Largo Cândido dos Reis, que dá as boas vindas a quem chega pela Rua Direita. Com grande valor histórico e arquitetónico, este edifício, construído no lugar da extinta Capela de S. Braz, foi projetado pelo famoso arquiteto Ernesto Korrodi, em 1924.

Depois de algumas dúvidas sobre o futuro d’Os Filipes, hoje, sabemos que nada há a temer. O Sr. Manel e a sua família adquiriram o edifício e garantem que a sua segunda casa (e também a segunda casa dos noctívagos de Leiria) não fechará tão cedo.

É uma alegria ver que Os Filipes continuarão a viver e a ser responsáveis por bombear vida ao centro histórico de Leiria, ao som de brindes, boa música e muitas gargalhadas.
Quanto ao Sr. Manel, que entretanto decidiu partilhar o leme com os filhos e netos, lá vai continuando a “aturar” os amantes da noite, o que não é um grande esforço, estamos em crer!